Últimas Notícias

Gadgets de Cerveja 34: Super Cooler – Cerveja gelada em 2 minutos


Quantas vezes você já quis tomar uma cerveja em casa e todas as geladas já tinham acabado? Ou chegou num churrasco que todos os convidados só levaram cerveja quente? Pois é, para ambos os casos, o resultado é o mesmo: ou você usa aquelas químicas malucas de misturar gelo, sal grosso e álcool ou terá que esperar uns belos 20 minutos para tomar uma gelada.

Foi ao passar por essa situação que os amigos Gustavo Moraes e Rafael Schiavoni resolveram buscar uma solução para gelar mais rapidamente uma bebida quente e acabaram por desenvolver o projeto do Super Cooler, um Beer Gadget que gela a sua cerveja em 2 minutos*!



Mas de onde surgiu isso e como funciona?

Depois de muita busca, os estudantes, que são técnicos em eletrônica e apaixonados por cerveja, descobriram um processo de Convecção Forçada, que (muito resumidamente), usa o giro do recipiente em contato com o gelo para homogeneizar a temperatura, fazendo com que o líquido gele bem mais rápido.
O funcionamento é simples: você encaixa a lata ou a garrafa no suporte para os recipientes, coloca em contato com o gelo (pode ser uma isopor, um balde de gelo, etc), liga e vê a magia acontecer em 2 minutos.

O Gadget funciona com 4 pilhas AA e usando pilhas alcalinas os desenvolvedores garantem que dá para gelar mais de 150 latas de 350ml.


Para colocar o Super Cooler no mercado, os amigos criaram uma campanha no Catarse, um site de financiamento coletivo: http://catarse.me/pt/supercooler.

A campanha vai até o dia 20 de julho e possui vários níveis de contribuição e suas devidas recompensas, que vão desde uma carta de agradecimento, para os que contribuírem com R$10; até uma churrascada gaúcha feita pelos criadores do Super Cooler, com direito a passagem, tour pela cidade, Kit do Super Cooler, além de outras surpresas, mas essa é só para os que contribuírem com R$1500,00.

E ae? O que vocês acham dessa ideia? Será que funciona?

*A Maria Cevada não testou esse gadget. Os itens dessa matéria não são publieditoriais.

Nenhum comentário