Últimas Notícias

Holy Cow: explosão mutante de lúpulos

A Seasons é uma das cervejarias mais queridas de Porto Alegre. Dentre os rótulos mais bacanas estão o Funhouse (pra quem curte as belgas), a Cirillo Stout (A Stout) e a LINDA e MARAVILHOSA Green Cow. Por sinal, já sofri até um certo preconceito por conta desse meu amor pela Green Cow, mas ela é tão gostosa que superei o acontecido depois do primeiro gole.

A Green Cow é uma IPA bem lupulada e bem amarga. Mas poxa-galera-caramba-não-tá-fácil-faz-mais-amarga-aí-mimimi.
E fizeram. A Seasons, em parceria com a californiana Green Flash, acaba de lançar a Holy Cow. Uma IPA experiência científica com 82 IBUs de amargor (na escala do amargor, a Green Cow tem 62 IBUs).


Mas qual é o fator X-Men, Maria?
A questão é que, mesmo após lançada, as experiências com a Holy Cow não param. A cada lote um novo tipo de lúpulo pode ser acrescentado, um novo tipo de dry hopping utilizado e o próximo nunca vai ser igual ao anterior! A receita pode mudar mais que o humor da sua namorada de TPM.


Nas palavras do próprio Leonardo Sewald, mestre cervejeiro da Seasons:
"Cada lote que produzirmos receberá uma adição de lúpulo diferente, ou usaremos uma técnica de dry hopping peculiar que aprendemos, enfim, vai variar. E  de propósito. A cada novo lote de Holy Cow que sair, você saberá por nós qual mexida fizemos. De quanto em quanto tempo!? Não sabemos, mas garantimos que será algo entre "a cada semana" e "a cada ano". 


Bem, enquanto eu não descolo uma Holy Cow pra contar pra vocês a experiência, aguardem os posts sobre as Green Flash. ;)

Nenhum comentário